Monday, June 18, 2007

Leituras XIX: O véu pintado...


...de Sommerset Maugham é um livro fabuloso bem ao estilo deste autor.
Dele só tinha lido O Fio da Navalha e As Paixões de Júlia e comprei este último por ser dele, por ser uma daquelas pequenas edições dos pequenos prazeres da Asa e penso que (ainda que inconscientemente) influenciada pelo filme que tinha estado recentemente em cartaz e que eu não tinha conseguido ir ver.
A história segue os passos de Kitty uma jovem algo superficial e que casa com Walter um jovem médico por todos os motivos errados. Confesso que desde o início esperei um final diferente para este livro, crente como sou no poder do amor. Depois de casados partem para Hong Kong onde Walter desenvolve a sua profissão de bacteriologista e onde Kitty, descobre o consolo nos braços de um amante. Idealizando por ele um amor que não existe e confrontada com o conhecimento do marido, Kitty nunca imaginou a vingança que um homem tão dócil lhe pudesse reservar: uma viagem pelo interrios do país até uma pequena vila infestada pela cólera.
Amor, sofrimento, dor, pena, ódio, são sentimentos que são retratados neste livro com o brilhantismo de Sommerset Maugham com a fluidez de escrita que lhe encontrei nos outros dois romances que li. Uma história fantástica que como o próprio diz no prefácio, foi inspirada numa lenda. Não é uma história com final feliz, mas todos sabemos que nem todas as histórias de amor podem ter um final feliz.

3 comments:

Betty said...

Adoro ler, embora ultimamente o tempo tenha sido nenhum... :P

De qualquer modo obrigada pela sugestão; talvez quando o tempo voltar a alargar me "debruçe" sobre este :P

Rubina said...

Ainda ontem estiver com esse livro na mão. Vou anotar a dica, tenho um comboio de livros para começar ao lado da cama...lol...

lenca said...

Betty, este livro é muito bom no conteúdo e muito fácil de se ler, como são todos (os que li) do SM.

Rubina, passa este livro para a carruagem da frente ;)